terça-feira, 28 de agosto de 2012

Marca d'água


Numa folha de papel
deixo cair meu perfume 
com essência de jasmim.
Sobre a superfície umedecida
vou desenhando tua imagem, 
tuas linhas ficam em relevos 
nos traços do grafite
e as sombras vão cobrindo 
tuas margens, 
que saem serenas 
do meu pensamento,
no final,
escrevo teu nome,
porque passei o dia todo 
pensando em ti.

Deitada na cama 
coloco a folha contra a luz,
tu és a marca d'água
que ficou em meus olhos,
tomou conta 
dos meus pensamentos,
do pulsar do meu coração
e de todo meu ser.
Uma verdade
que não pode ser 
falsificada em mim,
nem disfarçada 
no relevo da minha
retina ocular.





Helen De Rose

* Lançamento em 20/10/2012 - Rio de Janeiro - CBJE


4 comentários:

  1. Adorei a poesia que li da tua autoria.
    Tenho que vir aqui mais vezes para ler mais... muito mais.
    Parabéns pelo talento poético que as tuas palavras revelam.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Olá Rose, muito obrigada por sua visita e comentário, fiqui feliz!
    Gostei muito de sua poesia, profunda!
    Bjs da Gena

    ResponderExcluir
  3. Uma das grandes bênções da vida
    é a experiência que os anos vividos nos concebem.
    Aniversariar é uma amostra das oportunidades que temos de aprender a contar os nossos dias.
    mais uma janela e abre diante dos meus olhos,
    mais um espinho foi retirado da flor,
    restando somente a beleza de tão bela data.
    Com fé, na esperança e no empenho por ser melhor a cada dia.
    Seguindo pelos caminhos da verdade e do amor.
    Um dia encontrarei o mais belo jardim, o jardim que representará a realização
    dos meus maiores sonhos.
    Com saudades .
    desejo um feliz Domingo
    venha curtir meu aniversário.
    Beijos na sua Alma,Evanir.

    ResponderExcluir
  4. Sou um devoto fazedor de sonhos
    Um homem que segue o destino
    A minha sombra nem sempre me acompanha
    Nem sempre acredito haver um ser divino

    Nem sempre acredito que há coisas para a creditar
    Nem sempre uma viagem tem um feliz fim
    Já acreditei no imenso do sentir de gente
    Que me disse sentir tanto por mim

    São tão perfeitas as flores
    Não morrem, apenas se despem das cores

    Doce beijo

    ResponderExcluir

Agradeço sua atenção.
Bastante proteção em seus caminhos.
Sucesso sempre.
Helen De Rose

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...